FLORAIS DE BACH

Por Lucile de La Reberdière

Em https://www.annuaire-therapeutes.com/index-des-disciplines

Harmonizar as emoções no quotidiano

O Doutor Bach, médico e homeopata britânico que morreu em 1936, dedicou a sua vida à investigação em busca de tratamentos naturais que tivessem em consideração o histórico, o modo de vida e as emoções do indivíduo, e não apenas o seu sintoma. Desenvolveu um método terapêutico por maceração alcoólica de plantas, dando-lhe o seu nome.

Uma sessão para quem e para quê?

Os florais de Bach ou elixires florais de Bach consistem em 38 soluções obtidas a partir de uma planta específica. Estes preparados líquidos são obtidos por infusão solar, de acordo com um método que é ainda hoje praticado no Centro Bach no Reino Unido.

Para alguns deles, as pétalas de flores colhidas são colocadas em água mineral solarizada durante 3 horas. Outras passam por uma etapa de ebulição: a água em que repousaram é filtrada e é-lhe adicionado álcool para estabilizar a fórmula. Obtêm-se tinturas-mãe, que são depois diluídas com Brandy, e colocadas em pequenos frascos de pipeta.

Cada flor é seleccionada pela sua acção sobre uma emoção ou estado de alma. São classificadas em 7 famílias de problemáticas fundamentais: o medo, a hipersensibilidade às ideias e às influências, a solidão, a falta de interesse pelo presente, o desespero e desalento, a incerteza e a sensibilidade excessiva à vida dos outros.

Consoante as emoções a harmonizar, encontrar-se-á uma flor associada a uma necessidade chave. Por exemplo: Elm (Ulmeiro) para desenvolver segurança: “quero sentir-me menos assoberbada”; Walnut (Avelaneira) para a resiliência: “gostaria de ser menos sensível ao que os outros dizem de mim”; Schlerantus para acompanhar uma escolha: “hesito entre dois caminhos”; Holly (Azevinho) para a benevolência, contra o ódio, a desconfiança ou a inveja; ou ainda Agrimony (Agrimónia) para a sabedoria, para os que escondem sentimentos negativos por trás de cara alegre: “tenho a impressão de fingir”.

A acção dos florais de Bach opera no nível energético e actua por tomada de consciência da necessidade. Vamos tomá-los quando temos necessidade de nos conectarmos com o que sentimos, de nos ouvirmos e de iniciar uma transformação interior. Star of Bethléem (reconforto depois de um choque ou stress), White Chesnut (serenidade) e Mimulus (confiança) são os mais apreciados.

O 39º Floral de Bach é o remédio Rescue, uma fórmula de ajuda expresso que combina 5 flores e se usa de forma pontual, para enfrentar uma situação passageira (stress, exames, …). Pode também ser aplicada directamente na pele em caso de picada de insecto por exemplo.

Interações do Leitor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *